Vai viajar para Maceió? Confira 4 dicas além de sol e mar

As malas já estão prontas e a contagem regressiva com intuito de viajar para Maceió está a mil. Já te ajudamos a como programar suas férias, já demos dicas de quais praias aproveitar na cidade, museus e até monumentos curiosos da capital alagoana para você visitar. Porém, descobrir coisas novas é uma delícia! Vamos embarcar nessa aventura? Confira 4 dicas para explorar Maceió além do sol e mar. Boa Leitura!

Embora possua praias deslumbrantes e quilômetros de sol e mar, viajar para Maceió não se resume a praia, hotel e restaurantes. A cidade abriga muita cultura, história e áreas verdes abertas para convívio.

Contato com a Natureza

Quer um contato diferente com a natureza? No Parque Municipal de Maceió, localizado no bairro de Bebedouro, além de árvores, 5 trilhas completamente acessíveis, nascentes de água, também podem ser encontrados animais silvestres como preguiças, jacarés e diversas espécies de pássaros.

Viajar-para-Maceio_Parque-Municipal- Bicho-Preguiça
Foto: João Schwartz | Visite Alagoas

Outro local aberto para visitação, trilhas e piqueniques é o Parque do Horto, dentro da Reserva do Ibama, no bairro da Gruta. O local conta com espaço para redes, prática de slackline, pomar com aproximadamente 100 árvores frutíferas, animais silvestres e praça de alimentação.

Compras

Uma voltinha nas feiras de artesanato da orla são passeios garantidos ao viajar para Maceió. Mas você pode ir comprar artesanato em outros locais e, desse modo, encontrar outras histórias sobre a Cidade Sorriso. Na Levada, por exemplo, tem o Mercado do Artesanato. Além disso, o bairro guarda inúmeras memórias como a do primeiro aeroporto do município, desativado há mais de 50 anos.

Ainda sobre o artesanato, o Pontal da Barra não comporta apenas lojas, mas também a cultura das rendeiras e uma beleza estonteante. A renda filé é predominante nas calçadas, compondo um visual lindo e colorido para fotos e muito conhecimento, pois as rendeiras sentadas às calçadas falam sobre a história desse vilarejo e lendas urbanas que lá abrigam. Vale destacar que é no Pontal você pode presenciar o encontro da Lagoa Mundaú com o mar e o mais lindo pôr-do-Sol de Maceió.

Viajar-para-Maceio_Pontal-da-Barra_ File
Foto: Reprodução Instagram (@pontaldabarra).

Mergulho com cilindro

Vamos falar sobre os naufrágios em Maceió e convidá-los a mergulhar literalmente nessas histórias. Há 12 naufrágios registrados e todos abertos a visitação, desde que sejam feitos com uma empresa credenciada e autorizada. Um dos mais famosos é o Sequipe, localizado a 6 milhas da costa. Lá é possível encontrar moreias, espécies variadas de peixes e arraias e tartarugas marinhas.

Visitar Bairros Históricos: Jaraguá e Centro

O histórico Jaraguá abriga em suas ruas rústicas muitos casarões antigos que funcionam instituições públicas, privadas, agências bancárias e museus. A arquitetura no estilo colonial, agrega charme ao local, que possui coretos, igrejas e praças como atrativos.

O Centro de Maceió também abriga muitos prédios históricos. Um bom exemplo é a Estação Central,  onde é possível embarcar na linha ferroviária de Maceió. O percurso tem 32 quilômetros de extensão e interliga Satuba e Rio Largo com a Cidade Sorriso. O Sistema Maceió possui 9 estações, 3 paradas obrigatórias e 2 paradas experimentais onde é permitido contemplar e fotografar o cotidiano de diversos trabalhadores.

Viajar para Maceió - Bairro Historico-Jaraguá
Foto: Visite Alagoas

Não esqueça que para viajar para Maceió, é preciso programar, inclusive com seus acompanhantes, o que será feito. Se vai precisar de um serviço terceirizado, antecipe seu contato com as empresas, consulte preços e valores agregados. Além disso, converse com que já esteve no destino e pergunte outros pontos que não podem ficar de fora.