Parada obrigatória em Alagoas: Praia do Gunga.

Ao visitar Alagoas, conhecer alguns destinos são quase que obrigatórios, entre eles a Praia do Gunga. Já explicamos a diferença desses pontos turísticos de Alagoas, mas vamos abordar com mais detalhes sobre os encantos desse pedaço de paraíso na cidade de Roteiro. Confira!

Talvez você não tenha ouvido falar de Roteiro, mas com certeza sabe da existência da famosa Praia do Gunga. Distante de Maceió 49 km, é no “Gunga” que encontramos uma das mais belas paisagens de coqueirais do Brasil, além das falésias coloridas e muita agitação.

Lagoa do Roteiro

Já viram uma lagoa de água salgada? Sim, a Lagoa de Roteiro é salgada porque recebe influência direta do Oceano Atlântico. Além disso, a Lagoa possui como fartura e riquezas o sururu, massunim (vôngoles), ostras e algumas espécies de peixe. Ideal para quem curte a prática de esportes náuticos (como banana boat ou flyboat) e/ou aprecia um visual incrivelmente lindo quando o sol se põe.

Foto: Acervo Tropicalis

Praia do Gunga

Aqui é só “chegar e relaxar” porque não precisa se preocupar com nada. A Praia do Gunga possui infraestrutura de estacionamento, bares, restaurantes e até lojinhas de moda praia e pequenos souvernis. Na praia do Gunga ainda é possível comprar passeios de escuna, jet ski, quadriciclos ou de buggy para explorar a praia em mar e terra ou se aventurar num passeio aéreo com o voo de ultraleve e/ou parapente. Da terra ou do ar, o cenário é muito lindo: areia fina e dourada, contrastando com um belíssimo mar verde esmeralda que é muito tranquilo e na maré baixa até forma umas piscininhas com água bem morninha.

Foto: Kaio Fragoso/ Sedetur

Mirante do Gunga

Os coqueirais são molduras naturais da praia do Gunga e se tornam peças fundamentais para visualizar do alto do mirante. É nesse ponto turístico que os visitantes podem comprar mais artesanato genuinamente alagoano. Para ver um mar de coqueiros que se funde ao verde do mar e ao azul do céu é cobrada uma taxa simbólica, o que ajuda na manutenção.

Falésias

Quem visita as Falésias do Gunga recomenda em unanimidade: vale a pena conhecer! O percurso é feito via meio de transporte (quadriciclo ou buggy) e não é permitido ser feito pela praia devido as desovas de tartarugas na região. O trajeto é feito pelos coqueirais e ainda assim a vista do mar não se perde. Para garantir cliques mais incríveis, tente “escalar” alguns trechos.

Foto: Kaio Fragoso/ Sedetur

 

Maceió é um de pedaço de paraíso bem no centro urbano, mas para quem visita a capital alagoana por um período mais longo, deve conhecer outros destinos em Alagoas como a Praia do Gunga. Se suas férias estão programadas para a capital, baixe nosso e-book e descubra o que fazer em Maceió. É gratuito!

BAIXAR E-BOOK