A rede Tropicalis comemora seu mais novo equipamento hoteleiro.

Os empresários Glênio Cedrim e Lenierson Austrilino, da rede Tropicalis, e os investidores alagoanos Fernando Jambo e José Elias Uchoa, comemoram a assinatura do contrato que dá início à construção de mais um hotel. A implantação desse novo equipamento faz parte da missão da rede: oferecer mil leitos até 2020. Confira!

 

Atualmente, a rede Tropicalis contempla dois hotéis, Palms (2011), o Slim (2016) e um Exclusive Hotel na praia de Garça Torta, Flor de Lis (2018). O novo hotel vai contemplar 121 novos apartamentos e 275 leitos. As obras serão iniciadas até a segunda quinzena de março. “Cerca de 40 novos empregos diretos e 120 indiretos serão gerados com esse novo hotel. O empreendimento vai  contribuir para Maceió ser cada vez mais competitiva dentro dos destinos nacionais. Um novo hotel é a expansão de horizontes, dedicação e criatividade visando contribuir para a melhor experiência, conforto e bem-estar do hóspede”, comentou Cedrim.

 

Já Austrilino destaca a importância de inovar cada vez mais o setor de serviços, dando ênfase ao turismo, principalmente com a mudança de comportamento dos  consumidores. “Eles estão cada vez mais exigentes e sedentos por boas experiências. Nosso projeto visa contribuir com a inovação, tendo em vista que ela é indispensável para a competitividade e um diferencial para conquistar novos clientes, assim como fidelizar os atuais”, destacou.

 

A unidade estará no bairro de Pajuçara, com a categoria de 3 estrelas, tem previsão de inauguração para dezembro de 2019. “O crescimento do turismo em Alagoas é benéfico para a população. A chegada de novos hotéis incentiva população a buscar qualificação. A missão da nossa rede é promover o encantamento dos nossos hóspedes, principalmente dos recorrentes e, para isso, investimos também no capital humano”, concluiu Austrilino.

Maceió, paraíso turístico

Um levantamento feito pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo de Alagoas (Sedetur) apresentou 17 hotéis em construção e outros quatro estão em ampliação. A Sedetur confirma a informação de que o turismo em Alagoas está ascendendo cada vez mais, já que os dados de 2017 trazem otimismo para 2018: o aeroporto recebeu mais de 2 milhões de passageiros, o estado teve inauguração e construção de novos equipamentos, além da manutenção das taxas de ocupação.

 

Desse modo, podemos afirmar que a capital alagoana tem como atividade principal o turismo. “Além desse terceiro hotel, já estamos planejando a quarta unidade, que terão suas obras iniciadas ainda no final de 2018. Serão 825 leitos, distribuídos em 330 apartamentos à beira mar da belíssima praia de Pajuçara”, comentou Austrilino.

 

Orgulho Alagoano

Buscar parcerias com o poder público para o destino Maceió crescer em todos os aspectos é a essência da rede. “Estamos sempre cobrando do poder público melhorias e comemoramos cada vitória conquistada como as obras de saneamento nas galerias pluviais, o ordenamento da orla e a conclusão da obra do Marco Referencial em julho deste ano”, destaca Cedrim.  

 

Além disso, a  rede busca sempre parcerias  com empresas e investidores locais. “Temos orgulho de Alagoas e por isso,  priorizamos os investidores locais, como o Fernando e o Elias, que também possuem um ‘know how’  apurado para os encantos da capital alagoana e entendem o valor de ter produtos locais dentro de nossos empreendimentos, como os casos dos sorvetes Bali, as cervejas artesanais da Hop Bros e o artesanato de diversos pontos do estado”, completou Cedrim.