5 museus em Maceió para conhecer a história de Alagoas

Em 2017, Alagoas celebra um marco importante: 200 anos de Emancipação Política! E algo que não se pode negar é que sempre há muito o que conhecer sobre esta terra que, tanto quanto as belezas naturais, é cheia de riquezas culturais.

A história do estado passa por diversos segmentos, incluindo literatura, cultura popular, comércio, esporte e justiça, e muitos desses acontecimentos tiveram reflexos, inclusive, na história do país. Incrível, né? Selecionamos cinco museus em Maceió que remontam ao passado de Alagoas, um destino brasileiro que vai além do sol e do mar. Confira!

Museu da Imagem e do Som de Alagoas (MISA)

Uma boa parte da história da comunicação em Alagoas está aqui. Localizado no Jaraguá, o Museu da Imagem e do Som (MISA) oferece um passeio por fotografias, vídeos, fitas, telefones, televisores, toca discos e tantos outros elementos que ajudam a contar um pouco do passado do estado.

Serviço:  R. Sá e Albuquerque, 275 – Jaraguá, Maceió – AL, 57022-180. Funciona às terças, quintas e sextas, das 8h às 17h; quarta, das 8h às 21h; sábados, domingos e feriados, das 13h às 17h.

 

Casa do Patrimônio –  IPHAN

Sede do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), localizada também no Jaraguá, a Casa do Patrimônio conta com a exposição do acervo dos mestres artesãos de Alagoas e do Nordeste. Lá, é possível conferir a exposição ‘A Invenção da Terra’, que contém parte do acervo de esculturas da artista plástica e colecionadora Tânia de Maya Pedrosa.

Serviço: Endereço: R. Sá e Albuquerque, 157 – Jaraguá, Maceió – AL, 57022-180. Telefone: (82) 3221-6073. Funciona de Terça a Domingo, das 11h às 17h.

 

Museu Théo Brandão

O Museu Théo Brandão recebeu esse nome em homenagem ao folclorista e professor Theotônio Brandão Vilela, cuja coleção de arte popular constitui o acervo do espaço. O museu possui a maior coleção da cultura e costumes do Nordeste, além das salas do sincretismo religioso, bordados e rendas.

Serviço: Avenida da Paz, 1490, Centro – Telefone: (82) 3221-2651. Horário: terça a sexta, das 9h às 17h e aos sábados das 14 às 17h.

 

Instituto Histórico e Geográfico de Alagoas (IGHAL)

Fundado em 1869, o Instituto Histórico e Geográfico de Alagoas (IGHAL) abriga relíquias da história, como indumentárias e armas do bando de Lampião e Maria Bonita. Este museu possui ainda um valioso documentário histórico da guerra do Paraguai e um dos mais completos acervos afro-brasileiros do país, a exemplo da “Coleção Perseverança”, que reúne objetos usados em cultos africanos em Alagoas. 

Serviço: Rua João Pessoa, 382, Centro – Telefone: (82) 3223-7797. Funciona de segunda a sexta, das 8h às 12h.

 

Museu Palácio Floriano Peixoto

O Palácio Floriano Peixoto, antiga sede do governo, desde 2006 cede espaço para ricas coleções de cristais, pratarias e móveis antigos em madeira e couro. O mesmo prédio ainda abriga os memoriais de dois célebres alagoanos: o poeta Lêdo Ivo e o dicionarista Aurélio Buarque de Holanda.

Serviço: Praça Marechal Floriano Peixoto, 517, Centro. Telefone: (82) 3315-7874. Funciona às terças, quartas, quintas e sextas, das 8 às 17h, e aos sábados, domingos e feriados, das 13h às 17h.

 

Gostou do roteiro cultural com os principais museus de Maceió? Nós também temos recomendações das principais praias urbanas da cidade e uma rota incrível de gastronomia!

Fontes: Experimente Maceió, Turismo Alagoas e Visite Alagoas.

Siga-nos também no Facebook e no Instagram!

2 Comments

Deixe uma resposta